chocolate

Estudos contrariam a ideia de que beber um copo de vinho faz bem ao coração.

Uma pesquisa divulgada “Jama Internal Medicine  não comprovou que o resveratrol, antioxidante polifenol presente no vinho tinto e no chocolate, reduz a incidência de doenças cardiovasculares e processos inflamatórios do organismo.. O estudo contraria uma série de trabalhos que atribui ao chocolate e ao vinho efeitos positivos à saúde.

O segundo estudo, publicado nesta segunda-feira (14) pelo Journal of American College of Cardiology, revela que, mesmo com moderação, o consumo de vinho e bebidas destiladas pode ser um risco para fibrilação atrial, um tipo de arritmia cardíaca que pode resultar em acidente vascular cerebral e insuficiência cardíaca.