personal trainer & wellness coach joao amrtins

Sabia que o exercício físico aumenta em 40% a possibilidade de sobreviver a um ataque cardíaco.

Um novo estudo realizado por investigadores do Sistema de Saúde Henry Ford, em Detroit, e da Universidade John Hopkins, em Baltimore, demostrou que a atividade física não só reduz o risco de um ataque cardíaco, como aumenta a chance de sobrevida após o problema até 40%.

“Nossos dados sugerem que os médicos que trabalham com pacientes que têm fatores de risco cardiovascular devem recomendar que comecem um programa de exercícios imediatamente caso queiram aumentar suas chances de sobrevivência após um possível ataque cardíaco”, disse Clinton Brawner, fisiologista do exercício clínico no Sistema de Saúde Henry Ford e um dos autores do estudo

Já sabe, se fizer exercício físico não só está a diminuir o risco de ter um ataque cardíaco, como também a aumentar a capacidade de recuperação, caso tenha um. Está à espera de quê para começar a fazer exercício físico?

Texto João Martins

Artigos relacionados : Mulheres jovens têm tendência para ignorar sintomas de ataque cardíaco | Não devemos ter medo de ingerir alimentos ricos em colesterol

Personal trainer joao martins

Sabia que …

Mulheres jovens têm tendência para ignorar sintomas de ataque cardíaco?

Um novo estudo da Universidade de Yale diz que as mulheres mais jovens tendem a ignorar os sintomas de ataque cardíaco.

Os investigadores descobriram que mulheres mais jovens podem ignorar ou rejeitar os primeiros sintomas de um ataque cardíaco iminente, como dor e tontura, e demoram a procurar atendimento médico de emergência.

O estudo analisou as experiências de mulheres da faixa etária 30-55 anos que foram internados com enfarte agudo do miocárdio, e os investigadores perguntaram como é que elas reagiram ao sentir os primeiros sintomas e quando é que decidiram procurar auxílio médico.

A conclusão do estudo diz que as mulheres não sabiam quais os riscos de sofrer um ataque cardíaco e não tomaram as medidas preventivas contra doenças do coração. Também se observou que nem todas as pacientes foram orientadas para fazer um hemograma completo quando chegaram ao hospital.

Por isso, é melhor tomar atenção aos sintomas de ataque cardíaco que são os seguintes: desconforto, dor no peito, desconforto na parte superior do corpo como braços, costas, pescoço, maxilar ou estômago e falta de ar que pode ocorrer com ou sem desconforto no peito. Outros sinais de sintoma de ataque cardíaco incluem náuseas e vómitos, tonturas, desmaio ou suores frios.

Caso sinta alguns destes sintomas telefone imediatamente para o 112.

Texto João Martins