joao martins personal trainer algarve

Fazer exercício físico retarda o envelhecimento

Um estudo americano realizado por investigadores das Universidades do Mississipi e da Califórnia mostrou que a prática de atividade física reduz a deterioração celular.

O estudo comprovou que a prática de atividade física (em qualquer quantidade) retarda a diminuição do comprimento dos telômeros. Os telômetros são pequenas cápsulas encontradas no final de cadeias de DNA que o protegem contra possíveis danos causados pela divisão e replicação celular. À medida que as células envelhecem os telômeros naturalmente encurtam e desgastam-se.

Também é importante acautelar que o desgaste destas estruturas pode ser acelerado por fatores como obesidade, tabagismo, insônia, diabetes e outros aspetos relacionados com o estilo de vida. As informações são do jornal americano The New York Times.

Para surpresa dos investigadores, a associação entre a prática de atividade física e o tamanho dos telômeros foi mais forte entre as pessoas com idades entre os 40 e os 65 anos. Segundo eles, essa descoberta sugere que a meia-idade pode ser um momento chave para iniciar ou manter um programa de exercícios para afastar os telômeros de encolhimento.

Texto de João Martins

Artigos relacionados : O exercício físico deixa-nos mais novosO impacto que o descanso tem na saúde, fitness e bem estar