João Martins Personal trainer Algarve

Sabia que

Comer peixes e vegetais aumenta expectativa de vida

Uma pesquisa realizada na Suécia e publicada na Revista Científica Circulation mostrou que os idosos com níveis mais altos de gorduras polinsaturadas provenientes de peixes e vegetais no sangue, eram significativamente menos propensos a morrer de doença cardíaca ou qualquer outra causa do que aqueles com níveis mais baixos.

As orientações alimentares atuais recomendam que a ingestão de gorduras corresponda a, no máximo, 20% a 35% das calorias diárias de uma pessoa. Sendo que a maior parte destas deve vir de gorduras boas, como as polinsaturadase monoinsaturadas, que promovem níveis saudáveis de colesterol.

Estas gorduras são encontradas principalmente em peixes como salmão, truta e arenque, e em produtos vegetais como abacate, azeitonas, nozes e nos óleos de soja, milho, cártamo, canola, azeitona e girassol.

Texto de João Martins

Artigos relacionados : O consumo de bebidas light, aumenta a circunferência abdominal dos idosos |  Jogging ajuda os idosos a manter a sua capacidade de caminhar

Personal Trainer Algarve

IDEIAS PARA COMER MAIS VEGETAIS

Os vegetais são muito importantes na nossa dieta diária porque contêm muitos nutrientes e vitaminas para o perfeito funcionamento do nosso corpo. Evitá-los ou não os comer pode ser prejudicial para o nosso organismo.

Aqui ficam cinco ideias para ingerir mais vegetais:

Como vegetais como lanche/snack; Em vez de optar por comida processada, opte por umas cenouras frescas, um prato de salada vegetariana com queijo fresco, entre outras misturas que pode fazer com vegetais e algumas fontes de proteína (frutos secos por exemplo).

Adicione vegetais À sopa, e adicione sopa Às suas refeições; Vegetais são muito compatíveis com sopas, por isso devem estar sempre incluídos nelas. Evite a batata (mais calórica e com índice glicémico alto), substituindo-a por abobara, courgette, grão etc. E opte sempre por iniciar as refeições principais com sopa, porque para além de saciar mais, o aporte nutricional da refeição é maior.

Coma vegetais sempre ao almoço e jantar; Independentemente da refeição que opte por fazer peça sempre uma travessa de salada ou legumes salteados, ou legumes cozidos. É importante variar os legumes e não comer só alface e tomate, quanto maior a variedade maior o aporte

Adicionar os legumes nas suas pizzas ou quiches; As bases das pizzas e das quiches são calóricas (por norma) mas há formas de as tornar mais nutritivas: introduzir tomates, cogumelos, rúcula, espinafres, courgette, pimentos, cebola, etc. Assim, consegue incluir alimentos saudáveis em comidas não tão saudáveis, beneficiando a sua saúde.

Sumos de vegetais; Pode incluir nas suas refeições um sumo de vegetais, seja ao pequeno-almoço, almoço ou jantar. É umas das melhores formas de aumentar a ingestão de vegetais na sua dieta diária e de uma forma mais saborosa. Um conselho: não faça de um sumo de vegetais uma refeição, pois apesar de ser nutritivo, tem falta de muitos macronutrientes como a proteína e as gorduras, essenciais para o nosso organismo.

Os vegetais são fontes ricas em nutrientes, vitaminas e sais minerais e, muitas vezes, não os incluímos nas nossas refeições, assim, ficam aqui cinco ideias para comer mais vegetais e tornar a sua dieta mais saudável e nutritiva.

Texto de João Martins

1411396530524_wps_37_image001_png

Sabia Que…

Há pessoas que talvez o estejam fazendo você engordar.

Pesquisas demonstram que comer com outra pessoa aumenta em 33% a ingestão de calorias. Então como conseguir comer com companhia sem ingerir mais calorias.

Se o seu parceiro tiver excesso de peso ou for obeso, a sua possibilidade de se tornar obeso é de 37%. Para evitar esta possibilidade você pode, ter um armário próprio onde guarda a sua comida, para evitar ter a tentação de comer, a comida pouco saudável do seu parceiro. Outra dica, em vez de colocar toda a comida na mesa, sirva logo os pratos na cozinha, diminui a tentação e querer repetir o prato.

Estudos comprovam que mães com filhos ingerem mais 400kcal diárias que mulheres sem filhos. Quando é hora do lanche dos filhos tenha sempre uns frutos secos ao pé, para não ter a tentação de comer o mesmo que eles. Na altura das refeições, coma o mesmo que eles mas altere o acompanhamento, opte por legumes em vez de massas ou arroz.

A sua possibilidade de se tornar obeso aumenta 57% caso o seu melhor amigo seja obeso ou tenha excesso de peso. Caso você vá almoçar ou fazer uma refeição com o seu amigo, seja você a decidir o ugar, e opte por um lugar onde você possa fazer uma escolha saudável, pode ser que ele imite e você para além de comer bem ajuda o seu amigo.

Colegas de trabalho podem prejudicar a sua dieta. De acordo com um estudo da universidade da Georgia, um jantar de grupo com 6 ou 7 pessoas você vai ingerir 96% mais calorias que o normal. A melhor arma nesse caso, “estudar” o menu antecipadamente e ver quais as melhores escolhas.

As vezes as nossas escolhas influenciam as escolhas dos outros, um estudo da universidade do Arizona, demonstrou que a maioria dos amigos são “macaco vê macaco faz”, ou seja, assuma a liderança sobre a sua alimentação e é provável que o seu amigo siga o exemplo.

Eu sou assim.

Texto de João Martins

tumblr_static_tumblr_mikl44ucbp1rxlj8po1_500

Artigo opinião

Respostas a quem quer quebrar a sua alimentação e hábitos de vida saudável.

Quando você é espicaçado por causa da sua alimentação ou dos seus hábitos saudáveis, não responda de forma bruta e zangada.

A pressão do dia a dia, e da opinião das pessoas em nosso redor é muito grande e as vezes esquecemo-nos que somos nós os responsáveis pelas nossas decisões, pois somos nos que lidamos com os resultados das nossas escolhas.

Muitas vezes as pessoas criticam os nossos hábitos saudáveis, porque se sentem ameaçados ou muitas vezes por ciúme, e a nossa melhor resposta é não tentar dissuadi-los da opinião deles, nem argumentar ou criar tema de discussão, a nossa alimentação.

Em seguida algumas das frases que mais ouvimos e às vezes não sabemos responder ou arrependemos daquilo que responde-mos.

-Frases relacionadas com opções de comida:

“ não gostas desta carne, como é possível”, “sabes que necessitas de proteína, tens que comer carne”. Em vez de explicar que há outras fontes de proteína, e de alguns dos malefícios da ingestão excessiva da carne, você pode responder apenas e só “o meu hambúrguer vegetariano é espetacular, devias experimentar, acho que ias gostar”. Assim a pessoa fica sem argumento, pois você não contra argumentou o que ele disse, não há discussão e ele fica sem saber o que responder.

- Frases relacionadas com o seu aspeto:

“Não comas não, qualquer dia cais para ao lado”, estás tão magro, quanto é que pesas”, “já paravas de treinar, qualquer dia desapareces”. Mais uma vez não vamos entrar em confronto e podemos deixar uma mensagem no ar “Obrigado por estares preocupado com a minha saúde, mas não precisas de te preocupar, o meu médico disse que estou muito bem, e para continuar os meus hábitos alimentares saudáveis e de exercício” . Quando relacionado apenas com a frequência o ginásio podemos responder “ deixar o ginásio sinto-me cada vez melhor e com mais energia desde que tenho ido ao ginásio regularmente”. Mais uma vez deixamos uma mensagem no ar.

- Frases relacionadas com sobremesas:

“uma vez podes deixar de ser saudável?”, “dividimos a sobremesa, assim dividimos as calorias”. Facilmente você responde, “estou muito cheio, obrigado fica para a próxima”. Se for à hora de almoço, está frase também fica bem “tenho um ótimo jantar programado esta noite, não me quero encher ao almoço, para ter espaço para o jantar”.

Frases relacionadas com bebidas alcoólicas :

vá-la, só uma bebida, não te vai fazer mal”, “agora também és anti álcool”. A melhor resposta “ não, assim eu levo o carro e vocês podem beber a vontade”. Caso haja outra pessoa que já se tenha oferecido para levar o carro pode sempre dizer “não me sinto muito bem hoje, fica para a próxima”.

As pessoas provavelmente até podem não dizer estas frases por mal, mas custa-nos as vezes ouvir (principalmente quando repetidas vezes sem conta) e a melhor forma de responder é não confrontar, nem fazer o mesmo que eles nos tentam fazer, ou seja, tentar mudar a alimentação deles e os seus hábitos de vida.

Texto João Martins